.

.
.

"

"Comunico-me sem apegos e descubro a harmonia de evoluir na Terra". "Quando o mundo estiver unido na busca do conhecimento, e não mais lutando por dinheiro e poder, então nossa sociedade poderá enfim evoluir a um novo nível".

domingo, 15 de setembro de 2019

Decreto Simbólico contra o uso de Glifosato

Prefeitos do Brasil podemos seguir os exemplos dos prefeitos franceses e proibir o uso do Glifosato em nossas cidades. Quem sabe faz a hora não espera... 


13.XIX.2019
Por Sebastião Pinheiro


Uma medida simbólica, mas cheia de significado pode ser comparada com a obra de arte de Antonio Parreiras, o julgamento de Felipe dos Santos pela Revolta em Vila Rica, 1720 (foto), mas quem vai se lembrar disso no meio aos incêndios intencionais e políticos divertidos (foto).


O presidente do Partido Comunista Francês de Val-de-Marne, Christian Favier, anunciou na terça-feira que emitiu um decreto que proíbe o uso de produtos fitossanitários contendo glifosato. "Em nome do princípio da precaução e em solidariedade às associações e prefeitos envolvidos, assinei uma ordem proibindo o uso de produtos fitossanitários contendo glifosato ou desreguladores endócrinos em toda a região de Val-de-Marne", afirmou ele em comunicado. Felipe dos Santos foi amarrado entre quatro cavalos, queimado com Enxofre e despedaçado por animais. Este tipo de penalidade capital, segundo M. Foucault, é específica para regicidas (aqueles que matam reis...). Então, lembrei me, que a Sede do Partido Francês Comunista foi projetada pelo arquiteto brasileiro, também comunista Oscar Niemeyer, uma obra muito significativa (foto).


Este decreto comunista é "simbólico", especifica a delegação do presidente municipal, quem estima que "a justiça administrativa seguramente o repreenderá". E para agregar: "A ideia é apoiar os prefeitos" que tem recebido ordens e alertas "sobre o perigo destes produtos". Se o departamento reconhece ser um território "urbano", acredita que os pesticidas também são usados ​​nas rodovias e mais exclusivamente nas terras agrícolas.

Apoio às cidades que adotaram este decreto.

Esta iniciativa segue ordens emitidas por vários prefeitos da França. Pioneira, a cidade de Langouët (Ille-et-Vilaine) emitiu um decreto em 18 de maio que proíbe o uso de produtos fitossanitários "a uma distância inferior a 150 m de qualquer parcela cadastral, incluindo um edifício usado para fins residenciais ou profissionais".

Numa época de tanto fascismo descarado... é mais do que simbólico, pelo que a comparação com a execução em Vila Rica em 1720.

***
 
 Adquira os livros da Fundação Juquira Candiru, entre em contato: blancoagroecologia@gmail.com ou pelo telefone móvel: (18) 99693-6466

Agroecologia 7.0 R$ 75,00 e Saúde no Solo R$ 35,00 + despesas dos correios...

 
 
 

Rede Soberania

Rede Soberania
Esta Nação é da Multitude brasileira!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...