"

'Ofereço-me para cooperar com amor a fim de compartilhar a abundância de meu coração.'
'Comunico-me sem apegos e descubro a harmonia de evoluir na Terra.'

domingo, 29 de setembro de 2013

SOLUÇÕES LOCAIS PARA UMA DESORDEM GLOBAL



Solutions locales pour un désordre global (França 2010).

Coline Serreau
De Coline Serreau. Documentário em cores/117’.

"Num primeiro momento, surgiram filmes de alerta catastróficos para chamar a atenção do planeta sobre os riscos ambientais. Mas agora torna-se necessário buscar as soluções, compreender de que forma é possível minimizar os estragos e caminhar para o desenvolvimento sustentável. E a chave deste entendimento encontra-se nas reflexões de camponeses, filósofos e economistas que inventam e experimentam alternativas. Em suas palavras, encontra-se o melhor entendimento da crise econômica, política e financeira do nosso modelo de sociedade." por CineFrance

A política está na mesa, por Carmattos
 
"É um libelo contra a agroindústria e a exploração dos agricultores pelas multinacionais das sementes compulsórias e dos fertilizantes químicos. Durante três anos, Coline Serreau viajou por quatro continentes coletando depoimentos e histórias de quem reage contra a mercantilização desmesurada da alimentação. Da Ucrânia à Índia, da França ao Brasil, ela entrevistou ativistas, filósofos, economistas e agricultores. O MST brasileiro tem papel de protagonismo, não como a brigada ideológica que a direita brasileira teima em pintá-lo, mas como um exército de gente comum em busca de soluções locais e independentes. A policultura em espiral praticada no Sul, por exemplo, e chamada de “agricultura companheira”. É claro que sobram farpas contra o projeto de etanol do governo Lula numa conversa entre João Pedro Stédile e a veneranda agrônoma Ana Primavesi."

"Coline Serreau não perde a oportunidade de dar seu habitual viés feminista ao assunto. O tratamento exaustivo da terra, a corrida pela produtividade em troca da sustentabilidade, a industrialização desenfreada são apontados por vários participantes como uma masculinização da agricultura, que tanto podem reverter quanto mais esse métier seja devolvido às mulheres. Nesse raciocínio de gênero, até o contumaz genocídio de fetos femininos na Índia pode estar ligado a essa supressão das mulheres do cenário do suprimento alimentar no mundo."

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"no artigo 5º, inciso IV da Carta da República: 'é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato'."

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...